Armando Álvares Penteado (1884 - 1947)

public profile

Is your surname Álvares Penteado?

Research the Álvares Penteado family

Armando Álvares Penteado's Geni Profile

Records for Armando Álvares Penteado

100,275 Records

Share your family tree and photos with the people you know and love

  • Build your family tree online
  • Share photos and videos
  • Smart Matching™ technology
  • Free!

Share

Birthplace: Santa Cruz das Palmeiras, São Paulo, Brazil
Death: Died in São Paulo, São Paulo, Brazil
Managed by: Luê Prado
Last Updated:

About Armando Álvares Penteado

Armando Alvares Penteado (Santa Cruz das Palmeiras, 31 de outubro de 1884 — São Paulo, 27 de janeiro de 1947) foi um grande cafeicultor empresário e mecenas brasileiro. Filho de Antonio Alvares Leite Penteado e de Ana Franco de Lacerda (filha dos Barões de Araras), descendia por seu pai de João Correa Penteado e Izabel Paes de Barros.

Foi casado com Annie Alwis, natural de Nice - França, porem o casal não deixou descendencia. Doou parte de sua fortuna para a formação da Fundação Armando Alvares Penteado, que leva o seu nome, FAAP.

Foi parte de uma das discussões mais interessantes no ramo de direito empresarial, mais especificamente, o tema pertinente ao restabelecimento do alienante de um fundo de comércio, que ganhou relevo a partir de uma questão judicial envolvendo a Companhia Nacional de Tecidos de Juta, de um lado, como autora, e, do outro, o Conde Alvares Penteado e a Companhia Paulista de Aniagem, aforada em São Paulo, no ano de 1913.

Os advogados das partes, por si sós, já garantiam a excelência dos debates, pois a ação foi patrocinada por José Xavier Carvalho de Mendonça, sendo que Rui Barbosa assumiu a defesa dos réus junto ao Pretório Excelso.

À época, o Conde Álvares Penteado havia constituído a Companhia Nacional de Tecidos de Juta, proprietária da Fábrica de Juta Santana, transferindo, em seguida, o fundo de comércio. Cerca de um ano depois, o Conde fundou nova fábrica no mesmo bairro em que funcionava a anterior. Assim, sob o argumento de que a venda do estabelecimento comercial importava em considerar implícita a transferência da clientela, a ação foi promovida requerendo a condenação em indenização.

A defesa concentrou-se na tese de que a renúncia ao direito ao exercício de certo ramo de negócio teria que ser expressa, o que não ocorrera, restando vencedora, em sede de embargos, no Supremo Tribunal Federal.

Por fim, o STF acabou por adotar a tese de Rui Barbosa. Entretanto, atualmente, há disposição legal expressa (art. 1147, do Código Civil), adotando a tese de "Carvalhinho", isto é, adota-se a cláusula implícita de não-restabelecimento, pelo prazo de 05 anos, a contar da assinatura do contrato.

Fonte: WP

view all

Armando Álvares Penteado's Timeline

1884
October 31, 1884
Santa Cruz das Palmeiras, São Paulo, Brazil
1947
January 27, 1947
Age 62
São Paulo, São Paulo, Brazil
????