Louis Philippe Ferdinand Gaston d'Orléans, comte d'Eu (1842 - 1922) MP

‹ Back to d'Orléans surname

14

Matches

0 2 12
Adds more complete burial place, sibling(s) and spouse(s).

View Louis Philippe Ferdinand Gaston d'Orléans, comte d'Eu's complete profile:

  • See if you are related to Louis Philippe Ferdinand Gaston d'Orléans, comte d'Eu
  • Request to view Louis Philippe Ferdinand Gaston d'Orléans, comte d'Eu's family tree

Share

Birthdate:
Birthplace: Neuilly-sur-Seine, Ile-de-France, France
Death: Died in Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Occupation: Count of Eu 1842-1922
Managed by: Stein Djupmork
Last Updated:

About Louis Philippe Ferdinand Gaston d'Orléans, comte d'Eu

Luís Filipe Maria Fernando Gastão de Orleans (Louis Phillipe Marie Ferdinand Gaston d'Orleans et Saxe-Coburgo e Gotha), Conde d'Eu, nasceu em Neuilly-sur-Seine, França, a 28 de abril de 1842 e morreu a bordo do navio Massilia, Oceano Atlântico, a 28 de agosto de 1922 quando voltava ao Brasil para celebrar o centenário da Independência. Era filho primogênito de Luís Carlos Filipe Rafael de Orleans, Duque de Nemours, e de sua esposa Vitória Francisca Antonieta Juliana Luísa, princesa de Saxe-Coburgo e Gotha, duquesa de Saxe, filha única do General e Duque Fernando Jorge Augusto de Saxe-Coburgo e Gotha; neto de Luís Filipe, rei da França. Pai de Dom Pedro de Alcântara de Orleans e Bragança, Dom Luís de Orleans e Bragança e Dom Antônio Gastão de Orleans e Bragança.

D. Dom Pedro II queria que suas filhas, Isabel e Leopoldina se casassem para dar continuidade à linhagem. Fez sondagens, com a ajuda de sua irmã, a Princesa D. Francisca, Princesa de Joinville, aos príncipes Gastão de Orleans e seu primo, Augusto de Saxe. Estes chegaram ao Brasil em 1864 para se casarem, respectivamente, com Leopoldina e Isabel. Mas as princesas tomaram a liberdade de escolher seus noivos.

Gastão de Orleans, Conde d'Eu:Família Imperial - da esquerda para a direita: Conde D'Eu, Dom Pedro II, imperatriz Teresa Cristina e princesa Isabel.

Ampliar

Família Imperial - da esquerda para a direita: Conde D'Eu, Dom Pedro II, imperatriz Teresa Cristina e princesa Isabel.

Assim, Gastão de Orleans, conde d'Eu, casou-se com a Princesa Isabel Cristina de Bragança no Rio de Janeiro, em 15 de outubro de 1864. No entanto, naquele ano o Brasil estava mergulhado na Guerra do Paraguai. Recebeu do imperador o título de Marechal do Exército. Ansioso para entrar em combate, mas impossibilitado por questões políticas (o exército brasileiro não admitiria o comando de um estrangeiro), foi designado por Pedro II comandante de artilharia, a coordenar as operações do Rio de Janeiro. Em 1869, o comandante geral do exército brasileiro na guerra, o Duque de Caxias, adoeceu e Dom Pedro II convocou o genro para tomar a frente no campo de batalha. Assim, Gastão comandou o exército brasileiro nas vitórias de Peribebuí e Campo Grande e, com a morte de Solano López, ditador do Paraguai, em Cerro Corá a 1 de março de 1870, a guerra findou. O Conde d'Eu retornou ao Rio de Janeiro, cercado de glórias como um herói .

O Conde, sua esposa e o próprio Imperador nutriam simpatia pelos políticos liberais, cuja ideologia incluía avanços científicos, intelectuais e sociais. Nesse último aspecto, a maior reforma pela qual os liberais se empenharam era a abolição do regime escravagista, o que fez com que o Conde e seus partidários fossem vistos com maus olhos pelas oligarquias agrárias e, segundo alguns analistas, colocaria a política brasileira irreversivelmente a caminho da extinção da monarquia e instauração do regime republicano.

Quando a República foi proclamada, em 1889, a Família Imperial Brasileira se retirou em exílio para Portugal. O Conde d'Eu permaneceu com a Princesa Isabel e seus filhos na Europa. Ele retornou ao Brasil em 1921, já viúvo, para repatriar os restos dos imperadores e que atualmente se encontram no Mausoléu Imperial da Catedral de Petrópolis. O Conde d'Eu morreu no ano seguinte, de causas naturais, no navio que o trazia mais uma vez ao Brasil, para a celebração do primeiro centenário da independência do país. Ele e a Princesa Isabel também estão sepultados atualmente na Catedral de Petrópolis.

Descendência

De seu casamento com D. Isabel Leopoldina:

   * D. Luísa de Orléans e Bragança (1874)
   * D. Pedro de Alcântara de Orléans e Bragança (1875–1940)
   * D. Luís Maria Filipe de Orléans e Bragança (1878–1920)
   * D. Antônio Gastão de Orléans e Bragança (1881–1918)

Ligações externas

   * Casa Imperial do Brasil Sítio Oficial
   * Instituto D. Isabel I
   * Gastão de Orleans, conde D'Eu Genea Portugal

--------------------

Louis Philippe Marie Ferdinand Gaston d’Orléans et Sachsen-Coburg und Gotha, Príncipe de (Bourbon-)Orleans e Conde d’Eu, "de jure" Imperador Consorte Senhor D. Gastão do Brasil e 1º Príncipe Titular de Orleans e Bragança. /// Casamento: na Capela Imperial ou na Igreja de Santa Cruz dos Militares?

view all

Gaston d'Orléans, comte d’Eu's Timeline

1842
April 28, 1842
Neuilly-sur-Seine, Ile-de-France, France
1864
October 1, 1864
Age 22
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brazil
1874
July 28, 1874
Age 32
Rio de Janeiro, RJ, Brazil
1875
October 15, 1875
Age 33
Petrópolis, RJ, Brazil
1878
January 26, 1878
Age 35
Petrópolis, Rio de Janeiro, Brazil
1881
August 9, 1881
Age 39
Paris, Seine, France
1922
August 28, 1922
Age 80
Rio de Janeiro, RJ, Brasil
????
Petrópolis, Rio de Janeiro, Brazil