Luís Barbalho Bezerra, governador do Rio de Janeiro

Is your surname Barbalho Bezerra?

Research the Barbalho Bezerra family

Luís Barbalho Bezerra, governador do Rio de Janeiro's Geni Profile

Share your family tree and photos with the people you know and love

  • Build your family tree online
  • Share photos and videos
  • Smart Matching™ technology
  • Free!

Share

Luís Barbalho Bezerra

Birthdate:
Birthplace: Olinda, PE, Brazil
Death: Died in Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Immediate Family:

Son of Antônio Bezerra Felpa de Barbuda and Camila Barbalho
Husband of Maria Furtado
Father of Jerônimo Barbalho Bezerra; Agostinho Bar-balho Bezerra and Guilherme Barbalho Bezerra

Managed by: Private User
Last Updated:

About Luís Barbalho Bezerra, governador do Rio de Janeiro

Luís Barbalho Bezerra

Militar (Olinda, 1600 – Rio de Janeiro, 1644). Como mestre de campo partiu, em 1639, de Touros rumo à Baía, conseguindo vitórias consecutivas sobre os holandeses. Bateu-se também contra os holandeses que ocuparam a sua cidade natal. Governador do Rio de Janeiro, de 1643 a 1644, fortificou o litoral e canalizou o riacho Carioca. Publicou o idílio poético Itaé e o volume Poesias Líricas.

(via “História de Portugal – Dicionário de Personalidades” (coordenação de José Hermano Saraiva), edição QuidNovi, 2004)

in: Protagonistas - Brasil <http://carreiradaindia.net/2009/02/protagonistas-brasil/luis-barbalho-bezerra/>

________________________________________

Luís Barbalho Bezerra foi um governante do Brasil, no tempo colonial.

Em 2 de junho de 1643, ao regressar de São Paulo, Salvador Correia de Sá e Benevides encontrou este novo governador no Rio de Janeiro: Luís Barbalho Bezerra era homem honesto, descrito como «ponderado e integro». Deu-lhe posse Savlador, então, e partiu para Lisboa, defender-se das acusações contra ele.

Como Barbalho Bezerra era pobre, tendo gasto sua fortuna e a saúde na luta contra os holandeses, a Câmara do Rio resolveu lhe «aposentadoria», o que significava pagar os aluguéis de suas casas, inaugurando assim essa prática na cidade («o que veio mais tarde a onerar excessivamente as minguadas rendas municipais»).

O nome de Barbalho Bezerra, diz Vivaldo Coaracy em sua obra «O Rio de Janeiro no século 17», página 117, está intimamente ligado à história das lutas na Bahia e Pernambuco contra os holandeses, nas quais se cobrira de honra e adquirira justo renome. Dada a reputação «de homem ponderado e íntegro, de inatacável honestidade, de que vinha precedido o novo governador, a população o acolheu com muita esperança e grande satisfação, entre vivas demonstrações de júbilo.»

Sob Barbalho, a cidade progrediria muito, sobretudo porque chegou nesse mesmo ano, a mando do rei D. João IV, o engenheiro francês Michel d'Escolle, rebatizado em Portugal Michel de Lescol. Projetou o plano da cidade e o traçado das ruas, prolongamentos, declives para valas, padrões para as construções, fortificações - foi seu primeiro urbanista.

Uma das providências do governador foi, tendo encontrado a guarnição da praça reduzida a 260 soldados, cujos soldos havia nove meses não eram pagos, elevar a tropa a 600 homens, o que lhe parecia o mínimo necessário à defesa. Dirigiu-se à Câmara em 5 de julho de 1643 e pediu que decretasse impostos que lhe parecessem justos e mais suaves, para atender a necessidades militares. A guarda do produto seria confiada à Câmara, que não o poderia desviar para outro fim.

Barbalho morreu, porém, em 15 de abril de 1644 e foi sepultado na igreja do Colégio dos Jesuítas. Diz Coacay : «No curto período do seu governo, fizera-se altamente estimado pela integridade e espírito de justiça, sendo a sua morte muito lamentada. O prestígio de que gozava entre a população foi herdado pelos filhos, Jerônimo Barbalho Bezerra e Agostinho Barbalho Bezerra, então ainda jovens, mas que mais tarde desempenhariam papel saliente na história do Rio de Janeiro.

Não havendo «vias de sucessão» e não tendo ele designado sucessor antes de morrer, assumiu o governo interino, eleito pela Câmara, Duarte Correia Vasqueanes, tio do anterior governador Salvador Correia de Sá e Benevides. Com isso, provocaram a impugnação dos militares que alegavam caber o governo a Simão Dias Salgado, Sargento-mor do presídio, de mais alta patente, e que se recusou a obedecer ao governador. Os fatos chegaram ao conhecimento do governador-geral e este da Bahia expediu, em 7 de maio de 1644, ordem a Francisco de Souto Maior, que se encontrava no Rio de Janeiro de passagem para Angola, assumir o governo «para privar que os soldados e mais gentes entrem em altercações, pela diferença de obediência.» A Câmara do Rio representou à Coroa que então baixou o alvará de 26 de setembro de 1644 em que «para atalhar desordens e inquietações e evitar os danos que delas se podem seguir», determino9u que «sucedendo falecer o Capitão-Mor e Governador da dita Capitania, e não havendo vias por que eu declare a pessoa que lhe há de suceder no dito Governo, possam os oficiais da Câmara da dita cidade eleger a pessoa que mais idônea lhes parecer que sirva o dito cargo, enquanto eu ou o dito Governador-Geral do dito Estado não prover.»

in: Wikipédia, a enciclopédia livre. <http://pt.wikipedia.org/wiki/Lu%C3%ADs_Barbalho_Bezerra>

________________________________________________________________________________


Luís Barbalho Bezerra

* Brasil, Pernambuco, Olinda c. 1590 + Rio de Janeiro 15.04.1644

Pais

  • Pai: António Barbalho Bezerra * c. 1570
  • Mãe: Camila Bezerra * c. 1572

Casamentos

  • Maria Furtado * c. 1575

Filhos

  1. Agostinho Barbalho Bezerra * c. 1619
  2. Jerônimo Barbalho Bezerra
  3. Célia Carreiro * c. 1600 Fernão Aires Furtado

in: GeneAll.net - Luís Barbalho Bezerra <http://www.geneall.net/P/per_page.php?id=271589>

________________________________________________________________________________

LUIS BARBALHO BEZERRA ( Male)

Event(s):

Christening: 1590 Recife, Pernambuco, Brazil

Death: 15 APR 1644

Parents:

	Father:  	ANTONIO BARBALHO FELPA DE BARBUDA 	
	Mother:  	CAMILA

in: FamilySearch™ International Genealogical Index v5.0 South America <http://www.familysearch.org/Eng/Search/igi/individual_record.asp?recid=500000273794&lds=1&region=14&regionfriendly=&juris1=&juris2=&juris3=&juris4=&regionfriendly=&juris1friendly=&juris2friendly=&juris3friendly=&juris4friendly=>

view all

Luís Barbalho Bezerra, governador do Rio de Janeiro's Timeline