Manuel Pinto Neto da Cruz, barão de Muriaé

public profile

Is your surname Pinto Neto da Cruz?

Research the Pinto Neto da Cruz family

Manuel Pinto Neto da Cruz, barão de Muriaé's Geni Profile

Share your family tree and photos with the people you know and love

  • Build your family tree online
  • Share photos and videos
  • Smart Matching™ technology
  • Free!

Share

Related Projects

Manuel Pinto Neto da Cruz, barão de Muriaé

Nicknames: "Manoel Pinto Netto Cruz"
Birthdate:
Birthplace: Campos dos Goytacazes, Rio de Janeiro, Brazil
Death: Died in Campos dos Goytacazes, Rio de Janeiro, Brazil
Immediate Family:

Son of Jeronimo Pinto Neto and Ana Maria Pereira
Husband of Raquel Francisca Ribeiro de Castro, viscondessa de Muriaé
Father of Jeronimo Pinto Netto Cruz; Manoel Pinto Netto Cruz; Ana Joaquina Netto Cruz; Francisca Carolina de Castro Pinto; <private> Netto da Cruz and 2 others

Occupation: Barao de Muriahe
Managed by: Nivea Nunes Dias
Last Updated:

About Manuel Pinto Neto da Cruz, barão de Muriaé

Manuel Pinto Neto da Cruz, barão com grandeza de Muriaé (Campos dos Goytacazes, 26 de fevereiro de 1790 – Campos dos Goytacazes, 12 de junho de 1855) foi um fidalgo e abastado fazendeiro brasileiro.

Grande do Império, foi fidalgo cavaleiro, comendador da Imperial Ordem de Cristo e cavaleiro da Ordem Militar de Cristo. Elevado a barão por decreto de 15 de abril de 1847

Filho do Capitão Jerônimo Pinto Neto e de Ana Maria Pereira; era primo de Joaquim Pinto Neto dos Reis, primeiro barão de Carapebus.

Foi abastado senhor de terras e escravos em Campos dos Goytacazes (RJ), era proprietário, entre outras, da Fazenda São Francisco de Paula, depois conhecida como Fazenda da Baronesa, cujo imponente solar pertence à Academia Brasileira de Letras.

Descendência

Casou-se com a campista Raquel Francisca Ribeiro de Castro, "Quequé", nascida a 2 de março de 1798 e falecida em 28 de setembro de 1881. Em 1880, já viúva, foi feita Viscondessa de Muriaé. A viscondessa era filha de Manuel Antônio Ribeiro de Castro, barão com grandeza de Santa Rita, e de Ana Francisca Batista de Almeida Pinheiro, conhecida como "A Fortuna", por ser herdeira de imenso latifúndio.

Desse casamento foram gerados:

  1. Manuel Pinto Neto da Cruz Filho (1821-1870), engenheiro, proprietário de elegante casa em São Martinho, onde recebeu a Princesa Isabel e o Conde d’Eu, em 1868. Casou-se com sua prima Maria Pinto Neto da Cruz(1831), "Marrequinha Carapebus", única mulher agraciada com uma honraria (Dama Honorária do Palácio) durante a primeira visita de Dom Pedro II, em 1847, filha dos primeiros barões de Carapebus, portanto, irmã do conde de Carapebus. O casal testou, a duas mãos, no dia 9 de abril de 1859, e não deixou descendência.
  2. Maria Antônia de Castro Neto (1824-1909), "Totonha", viscondessa de Santa Rita, casada com seu tio materno José Ribeiro de Castro, visconde de Santa Rita. Com descendência.
  3. Ana Joaquina de Castro Neto (1825-1895), "Quiquinha", herdeira da Fazenda e Solar São Francisco de Paula, ditos da Baronesa (Campos), casada com seu tio materno o comendador Antônio Ribeiro de Castro, abastado fazendeiro, formado em direito em Coimbra e que recebeu o título de cavaleiro da Imperial Ordem da Rosa, em 15 de abril de 1847, sendo membro de confrarias religiosas e instituições científicas no Brasil e no exterior. Com descendência.
  4. Jerônimo Pinto Neto, médico, casado com sua prima Raquel Francisca de Almeida Pereira (1837-1874), "Chicá Almeida", filha do comendador João de Almeida Pereira. Sem descendência.
  5. Francisca Carolina de Castro Neto (1829), "Chichizinha", casada com José de Siqueira Tinoco (1818-1881), médico, cavaleiro da Imperial Ordem da Rosa, proprietário da Fazenda de São Pedro na Freguesia de Nossa Senhora da Natividade do Carangola, com importante fábrica movida a água, filho do capitão José Ferreira Tinoco e de Ana Edwiges da Conceição Siqueira, sendo, portanto, sobrinho do visconde e irmão da viscondessa de Itabapuana. Com descendência.
  6. Raquel Francisca de Castro Neto (1830-1926), "Quequézinha", condessa consorte de Araruama por seu casamento com o primo Bento Carneiro da Silva (1826-1892), conde de Araruama, político, empresário, proprietário da Fazenda de Mandiquera (Quissamã), filho dos primeiros viscondes de Araruama. Com descendência.
  7. Carolina Antônia de Castro Neto (1834-1916), "Sinhazinha" ou "Cazuza", casada com Aires Pinto de Miranda Montenegro (1831-1873), o "Nhô Pequeno", comendador, político, filho dos segundos Viscondes de Vila Real da Praia Grande. Com descendência.

Fonte:WP

view all

Manuel Pinto Neto da Cruz, barão de Muriaé's Timeline

1790
February 26, 1790
Campos dos Goytacazes, Rio de Janeiro, Brazil
1821
1821
Age 30
1822
October 29, 1822
Age 32
1825
December 29, 1825
Age 35
Campos, Rio de Janeiro, Brazil
1829
April 7, 1829
Age 39
1830
November 28, 1830
Age 40
Campos dos Goytacazes, Rio de Janeiro, Brazil
1834
February 10, 1834
Age 43
1855
June 12, 1855
Age 65
Campos dos Goytacazes, Rio de Janeiro, Brazil
????