Vital Brazil Mineiro da Campanha (1865 - 1950)

‹ Back to Mineiro da Campanha surname

4

Matches

0 0 4
Adds burial place, additional photo(s) and child(ren).

View Vital Brazil Mineiro da Campanha's complete profile:

  • See if you are related to Vital Brazil Mineiro da Campanha
  • Request to view Vital Brazil Mineiro da Campanha's family tree

Share

Related Projects

Nicknames: "Vital Brasil"
Birthplace: Campanha, Minas Gerais, Brazil
Death: Died in Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brazil
Managed by: Lúcia Pilla
Last Updated:

About Vital Brazil Mineiro da Campanha

Vital Brazil Mineiro da Campanha (Campanha, 28 de abril de 1865 — Rio de Janeiro, 8 de maio de 1950) foi um importante médico imunologista e pesquisador biomédico brasileiro, de renome internacional.

Seu nome foi dado por ter nascido no dia de São Vital e como homenagem ao país (Brazil), ao estado (Mineiro) e à cidade natal (Campanha).

Filho de José Manuel dos Santos Pereira Junior e de Maria Carolina Pereira de Magalhães, foi casado em primeiras núpcias com sua prima em segundo grau, Maria da Conceição Filipina de Magalhães. Viúvo da primeira, casou-se, então, com Dinah Carneiro Vianna. Pelo ramo de sua mãe - os Pereiras de Magalhães - Vital tinha consanguinidade com o protomártir da Independência do Brasil, Joaquim José da Silva Xavier, o Tiradentes, e era, ainda, sobrinho neto materno do professor major Joaquim Leonel Pereira de Magalhães, que era, igualmente, avô paterno da primeira mulher de Vital - Maria da Conceição Filipina de Magalhães. Vital era tio do célebre empresário e mecenas das artes Oscar Americano de Caldas Filho, mais conhecido por Oscar Americano. Por parte de pai, era primo em primeiro grau do 9º Presidente do Brasil ( 1914 - 1918), Venceslau Brás Pereira Gomes.

Um aspecto inusitado em sua família foi o fato de o seu pai não ter dado o próprio sobrenome aos filhos, substituindo-o por outros com características quase que exclusivamente toponímicas brasileiras. Assim, conforme relata o filho de Vital Brazil, Lael Vital Brazil, no seu livro Vital Brazil Mineiro da Campanha, uma genealogia brasileira (pp 15 e 16), as crianças foram registradas com os seguintes nomes:

  1. Vital Brazil Mineiro da Campanha - por ter recebido a vida (Vital) no Brasil, em Minas Gerais, na cidade de Campanha.
  2. Maria Gabriela do Vale do Sapucaí, por ter nascido no vale do rio Sapucaí.
  3. Iracema Ema do Vale do Sapucaí
  4. Judith Parasita de Caldas, por ter nascido em Poços de Caldas.
  5. Acacia Sensitiva Indígena de Caldas
  6. Oscar Americano de Caldas (pai de Oscar Americano)
  7. Fileta Camponesa de Caldas
  8. Eunice Peregrina de Caldas

Vital Brazil estudou medicina na Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro, em meio a grandes dificuldades financeiras, vindo a formar-se com brilhantismo em 1891. Retornando a São Paulo, clinicou em várias cidades do interior do Estado. Nessa época, presenciou a morte de várias pessoas, principalmente lavradores, vítimas de picadas de serpentes.

Como médico sanitarista, participou das brigadas de combate à febre amarela e à peste bubônica em várias cidades no Estado de São Paulo. Coincidentemente, algumas décadas mais tarde, seu primo - pelo ramo Pereira de Magalhães - Dr. Adhemar Paoliello, igualmente formado pela Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro dedicar-se-ia, também como sanitarista, ao mesmo ideal de combater a febre amarela e a peste bubônica no Brasil e no exterior.

Além do seu trabalho como médico, Vital Brazil também criou uma das primeiras escolas do Brasil que alfabetizavam crianças de dia e adultos à noite. Desenvolveu materiais de informação, especialmente voltados para a população do campo, sobre como se proteger das cobras e outros animais peçonhentos. Criou uma caixa de madeira, barata e segura, para que os fazendeiros pudessem capturar as cobras; firmou convênios com as estradas de ferro, para transportá-las, pois eram essenciais à fabricação do soro.

A convite do governo estadual, Vital Brazil ingressou, em 1897, no Instituto Bacteriológico do Estado de São Paulo, dirigido por Adolfo Lutz. Foi então que tiveram início suas pesquisas. Trabalhou junto com Oswaldo Cruz e Emílio Ribas no combate à peste bubônica, ao tifo, à varíola e à febre amarela.

Recebeu do governo de Rodrigues Alves a Fazenda Butantan, às margens do Rio Pinheiros, em São Paulo, onde posteriormente viria a se instalar o Instituto Butantan. Foram lá desenvolvidos, com escassos recursos, importantes trabalhos de pesquisa e produção de medicamentos. Os primeiros tubos de soro antipestoso começaram a ser entregues após quatro meses de trabalho. Em 1903, surgiu o soro antiofídico, desenvolvido a partir do Piroplasma vitalli, parasita no sangue dos cães. Após este evento outros soros foram produzidos no Instituto Butantan. Também foram produzidas vacinas contra tifo, varíola, tétano, psitacose, disenteria bacilar e BCG. As sulfuras e as penicilinas vieram mais tarde. As picadas de aranhas venenosas, escorpião e lacraias deram origem a novos soros. Frequentou por longo tempo o Instituto Pasteur. Também é o fundador do Instituto Vital Brazil, em Niterói.

Vital Brazil tornar-se-ia mundialmente conhecido pela descoberta da especificidade do soro antiofídico, do soro contra picadas de aranha, do soro antitetânico e antidiftérico e do tratamento para picada de escorpião.

(http://pt.wikipedia.org/wiki/Vital_Brazil)

view all

Vital Brazil's Timeline

1865
April 28, 1865
Campanha, Minas Gerais, Brazil
1892
October 15, 1892
Age 27
Sao Paulo, São Paulo, Brazil
1907
November 11, 1907
Age 42
1950
May 8, 1950
Age 85
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brazil
????