Antonio Joao RamalhoMattos

public profile

Is your surname RamalhoMattos?

Research the RamalhoMattos family

Antonio Joao RamalhoMattos's Geni Profile

Records for Antonio Joao RamalhoMattos

1 Record

Share your family tree and photos with the people you know and love

  • Build your family tree online
  • Share photos and videos
  • Smart Matching™ technology
  • Free!

Share

Antonio Joao RamalhoMattos

Birthdate:
Birthplace: Estremoz
Death: Died in Lisboa
Place of Burial: Estremoz, Campa
Immediate Family:

Son of Jose Affonso Mattos and Aura Ramalho
Half brother of Private User

Managed by: Private User
Last Updated:
view all

Immediate Family

About Antonio Joao RamalhoMattos

Nasceu muito pequenino,com 1k e 600.A tia Leonor contava-me que não o vestiam embrurlhavam-no em algodão.

A mãe ficou doente após o parto e Ele foi criado pela tia Elisa irmã do meu Pai e muito pela familia da minha Mae.

Chamava à minha Avó Ermelinda "AMIGA".

O meu Pai casou com a minha Mãe quando ele tinha 4 anos e passou a ser o FILHO dos dois .

A minha Mâe gostava muito dele,assim como toda a família Maldonado com quem cresceu como neto,sobrinho etc.

Tenho cartas dele para a minha Mae lindas pela Amizade que transparece nelas.

Vivemos felizes e muito amigos.Até à morte do meu Pai.Um dos meus tios ,irmão do meu Pai quiz assumir se como a familia dele ,que era ,mas disputando-o aos Maldonados,fez mal porque era com a familia da minha Mãe que Ele se entendia.

Relembro que quando ele estava no colégio João de Deus no Estoril,,não queria ir passar as férias conosco porque estavamos no Monte Estoril,e assim resolvia ficar em Estremoz em casa da minha Avó.

Era muito boa pessoa com as suas manias.. não se casou o que afirmo o marcou muito e quando eu me casei foi viver para a casa que tinha preparado quando tudo indicava que se ia casar.

Ultimamente estava muito próximo de nós porque gostava muito do meu marido e adorava os meus filhos,especialmente o João que estudava direito como Ele e a sua desilusão foi grande quando o João se formou e não quiz ir trabalhar com ele.

Tinha o pavor das doenças e penso que pouco sofreu para morrer.

Na antevespera pediu-me para lhe marcar um quarto no hotel na rocha porque queria vir passar conosco 8 dias .dois dias depois estava o Pedro e o Zé para partirem para Lisboa e o João telefonou a dar a triste noticia:frente aos pastéis de Belém ao abrir a porta do carro ,após o almoço caiu redondo.

Para mim foi um grande trauma,era muita amiga dele e senti muito a sua falta porque via nele um apoio muitas vezes para desabafar,embora sempre me ouvia e raramente imitia opinião

Todos os sabados e domingo aparecia por volta das 19 h.,e sempre que havaia resultados eleitorais.

Durante muito tempo após a sua morte,sempre que batiam à porta aquela hora nós olhavamos uns para os outro e acredito que todos pensavamos o mesmo.

view all

Antonio Joao RamalhoMattos's Timeline

1
February 7, 1
Estremoz
1995
July 25, 1995
Age 1994
Lisboa
????
Estremoz, Campa