Marcondes Gadelha

public profile

Is your surname Benevides Gadelha?

Research the Benevides Gadelha family

Marcondes Gadelha's Geni Profile

Records for Marcondes Iran Benevides Gadelha

62 Records

Share your family tree and photos with the people you know and love

  • Build your family tree online
  • Share photos and videos
  • Smart Matching™ technology
  • Free!

Share

Marcondes Iran Benevides Gadelha

Birthdate: (72)
Birthplace: Sousa, Paraíba, Brazil
Immediate Family:

Son of José de Paiva Gadelha and Miriam Benevides Gadelha
Father of <private> Gadelha; <private> Gadelha and <private> Gadelha
Brother of <private> Benevides Gadelha; Salomão Gadelha; Doca Gadelha; <private> Gadelha; <private> Gadelha and 4 others

Managed by: Carla Assenheimer (C)
Last Updated:
view all 14

Immediate Family

About Marcondes Gadelha

Seu pai José de Paiva Gadelha, foi Deputado Federal pela Paraíba, em 1964; de 1967 a 1971; Candidatando-se em 1968 à Prefeitura de sua cidade natal, mas não teve êxito; Eleito Deputado Federal na Legislatura 1974-1979, integrou-se ao chamado "grupo autêntico" do MDB, constituído por Deputados que desenvolviam oposição mais intransigente ao governo; Defensor da convocação de uma Assembléia Nacional Constituinte, criticou várias vezes o governo por "pretender perpetrar no país um regime de força, contra o caráter e a consciência democrática da nação"; Com a extinção do bipartidarismo em novembro de 1979 e a consequente reformulação partidária, filiou-se no ano seguinte ao Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB); Em junho de 1980, participou da organização de comemorações do cinquentenário da Revolução de 1930, promovidas pela Câmara dos Deputados; Ingressou no partido Democrático Social (PDS) em fevereiro de 1982, e nessa legenda, candidatou-se ao Senado pela Paraíba no pleito de 1982 e se elegeu com 321.917 votos; No final de novembro de 1984, o Senador Marcondes Gadelha "tancredou", palavra que traduzia a adesão de pedesistas ao candidato da Aliança Democrática, coligação oposicionista formada pelo PMDB e pela Frente Liberal, dissidência do PDS; No dia 15 de janeiro de 1985, na reunião do Colégio Eleitoral, com voto favorável de Marcondes Gadelha, Tancredo Neves foi eleito Presidente da República, derrotando Paulo Maluf; Ainda em 1985, com a vitória de Tancredo e o consequente fim do ciclo de presidentes militares, a Frente Liberal transformou-se em Partido da Frente Liberal (PFL), ao qual Marcondes Gadelha veio a se filiar; No pleito de novembro do ano seguinte, concorreu ao governo da Paraíba pela Aliança Trabalhista Liberal, coligação formada pelo PDS, PFL, PTB, PDC e PMB, mas foi derrotado pelo seu ex-aliado político e Deputado Federal Tarcísio Buriti, da coligação encabeçada pelo PMDB, PCdoB, PCB e o PSB; No pleito de outubro de 1990, concorreu a reeleição na legenda do PFL, mas foi derrotado pelo candidato do PMDB, Antônio Mariz. Voltou a concorrer a cargo eletivo no pleito de outubro de 1994, quando disputou vaga de deputado federal por seu Estado na legenda do PFL, coligado ao PTB, PDT, PL e PRN, mas conseguiu apenas a segunda suplência; Com a assunção de Antônio Mariz ao governo da Paraíba em janeiro de 1995, Marcondes gadelha assumiu a Secretaria de Agricultura do estado, tendo sido confirmado no cargo quando José Maranhão foi efetivado como governador em setembro deste ano, após a morte do titular; Liderou a ala do PFL favorável ao apoio do partido à reeleição do governador José Maranhão, que era do PMDB. Essa ala acabou saindo vencedora, pois o PFL integrou a coligação comandada pelo PMDB, que reelegeria. Permaneceu na secretaria até abril de 1998, quando se desincompatibilizou para concorrer a uma cadeira no Legisltivo Federal, obtendo êxito.

Fonte: Biografia dos Parlamentares Constituintes

view all

Marcondes Gadelha's Timeline

1943
July 23, 1943
Sousa, Paraíba, Brazil