Ваша фамилия Rodrigues?

Исследование фамилии Rodrigues

Записей с Antonio Rodrigues

3,659,120 записи

Поделитесь своим генеалогическим древом и фотографиями с людьми, которых вы знаете и любите

  • Стройте своё генеалогическое древо онлайн
  • Обменивайтесь фотографиями и видео
  • Технология Smart Matching™
  • Бесплатно!

Antonio Rodrigues

Дата рождения:
Место рождения: Portugal
Смерть: Умер в Brazil
Ближайшие родственники:

Муж Maria Rodrigues, India и Antonia Ussú Rodrigues, índia batizada por Anchieta
Отец Antonia Rodrigues и Pedro Rodrigues

Менеджер: Private User
Последнее обновление:

About Antonio Rodrigues

Antônio Rodrigues. N. em Portugal. Já se encontrava em S. Vicente quando Martim Afonso de Sousa ali desembarcou, em 1532. Segundo Pedro Taques, teria vindo com João Ramalho para o Brasil por volta de 1502. Consta, ainda, que teria sido um dos náufragos salvos, em 1503 ou 1508, nas imediações da Ilha dos Porcos, hoje localizada no Município de Ubatuba (SP). Era sócio de João Ramalho na venda de índios prisioneiros e nas pequenas indústrias de gêneros da terra. Com aquele povoador mantinha, também, pequenas feitorias, reabastecia navios em trânsito pela região e trocava seus produtos por artigos europeus de pouco valor. Viveu durante muitos anos no meio dos índios, tornando-se elemento da maior importância na colonização do Brasil. Vivia maritalmente (união posteriormente legitimada pela Igreja) com uma indígena que veio a ser batizada com o nome de Antônia Rodrigues. Recebeu, por sesmaria, as terras fronteiras ao porto Tumiaru, em São Vicente (SP). Genealogia Paulistana

Luiz Gonzaga da Silva Leme (1852-1919)

Volume I - Pág. 1 a 48

--------------------------------------------------------------------------------

Introdução

Cruzamento da raça européia com a indígena de S. Vicente e S. Paulo

--------------------------------------------------------------------------------

Pág. 1

Começamos este nosso trabalho genealógico com uma notícia sobre os portugueses que, chegados a S. Vicente antes e depois de sua fundação, se ligaram às filhas dos principais de diversas tribos espalhadas nas vizinhanças dessa povoação e nas de S. André e S. Paulo de Piratininga, povoações que foram fundadas alguns anos depois da 1.ª

Quando Martim Affonso de Sousa em 1532 pela primeira vez desembarcou na praia de Bertioga, já encontrou em terra vivendo entre os índios dois portugueses, que lhe serviram de intérpretes, e foram João Ramalho e Antonio Rodrigues: o 1.º estava ligado maritalmente com - Mbicy - (1) filha do chefe índio Tevereçá ou Tebiriçá que tinha sua sede em Inhapuanbuçú nas vizinhanças de S. Paulo; o 2.º vivia também maritalmente com a filha do cacique Piquerohy maioral de Ururay, a qual foi batizada com o nome de Antonia Rodrigues. Outros caciques ou principais existiam nas vizinhanças de S. Paulo de Piratininga, com cujas filhas, depois da fundação de Santo André e da vila de S. Paulo (que suplantou e extinguiu a 1.ª) se casaram muitos portugueses, primeiros povoadores da capitania.

De um antigo manuscrito (2) descoberto pelo doutor Ricardo Gumbleton, que o fez publicar na Revista do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro, do Rio de Janeiro (V. 51, pág. 93) tiramos os nomes desses portugueses, que, casando com as ditas índias, procriaram essa raça audaz e belicosa de sertanistas e bandeirantes, que, explorando os longínquos sertões, foram plantar os marcos que atestam a vastidão de nossa pátria.


Antonio Rodrigues, nascido em Portugal, já se encontrava em S. Vicente quando Martim Afonso de Souza alí desembarcou, em 1532. Segundo Pedro Taques, teria vindo com João Ramalho para o Brasil em 1502. Consta ainda que teria sido um dos náufragos salvos em 1503 ou 1508 nas imediações da Ilha dos Porcos, hoje localizada no Município de Ubatuba, SP. Era sócio de João Ramalho na venda de índios prisioneiros e nas pequenas indústrias de gêneros da terra. Com aquele povoador mantinha, também, pequenas feitorias, reabastecia navios em trânsito pela região e trocava seus produtos por artigos europeus de pouco valor. Viveu durante muitos anos no meio dos índios, tornando-se elemento da maior importância na Colonização do Brasil. Vivia maritalmente (união posteriormente legitimada pela Igreja) com uma indígena , filha do Cacique Piqueroby, que veio a ser batizada por Anchieta com o nome Antonia Rodrigues. Recebeu, por sesmaria, as terras fronteiriças ao porto Tumiaru, em S. Vicente.

"Genealogia Paulistana", de Luiz Gonzaga da Silva Leme (1852-1919)

показать все

Хронология Antonio Rodrigues

1490
1490
Portugal
1525
1525
Возраст 35
Sao Paulo, São Paulo, Brazil
1580
1580
Возраст 90
Brazil
????