Start My Family Tree Welcome to Geni, home of the world's largest family tree.
Join Geni to explore your genealogy and family history in the World's Largest Family Tree.

Habitantes Antigos de Cacia

« Back to Projects Dashboard

Project Tags

view all

Profiles

Trata este projeto da genealogia das famílias da Freguesia de Cacia (Aveiro, Portugal).

A data do início da povoação em Cacia é incerta. Há referências da existência de construções romanas dos séculos V e VI neste local.

Já havia ali um povoado por volta do ano 1100, conforme documentos relativos a administração do Mosteiro de Lorvão: 25 de agosto de 1106 — O Conde D. Henrique e D. Teresa, sua mulher, doaram ao Mosteiro de Lorvão metade de Cacia – medietatem de villa nostra nomine Cacia; no mesmo documento, a título de confrontações, há referências ao Vouga e a Fontela, Esgueira, Vilarinho e Matança (Torre do Tombo, C. R., Lorvão, m. II, doc. 12) – J.

Em um Foral do Lorvão datado de 12 de dezembro de 1428, apresentado em Cacia na morada de Estevão Dias, a mando de Pedro Anes, do Lorvão, se fazem saber algumas regras dos aforamentos. São citados neste documento os seguintes casais moradores, de Cacia:

  • Estevão Dias e Beatriz Martins
  • Afonso Arolles e Estácia Anes
  • Domingos Anes e Aldonça Gomes
  • João Esteves e Isabel Gil
  • Salvador e Maria Gracia
  • Álvaro Gonçalves e Margarida Anes
  • João Afonso Gaiteiro e Mécia Esteves
  • Gil Clemente e Maria Dias

e de Sarrazola:

  • João Dias
  • Martim Dias
  • Vicente Pires
  • Gonçalo Martins
  • Afonso Anes
  • Afonso Pires
  • Álvaro Lourenço
  • Luis Anes
  • Pedro Martins

De Vilarinho:

  • Estácio Mendes

Em 19 de agosto de 1445 já estava construída a igreja de São Julião de Cacia: — El-Rei D. Afonso V concedeu a Diogo Vaz Couceiro, pela primeira vez, o título de Morgado de Vilarinho e o padroado da igreja de S. Julião de Cacia (Marques Gomes, Subsídios para a História de Aveiro, pg. 369, e O Districto de Aveiro, pg. 163) – J.

A freguesia é composta por cinco lugares: a vila de Cacia, Vilarinho, Sarrazola, Póvoa do Paço e Quinta de Loureiro. A sede da paróquia fica à margem do rio Vouga, em local conhecido como Outeiro, no lugar de Vilarinho, adjacente ao local onde originalmente parece ter havido construções romanas, bastante destruídas devido a exploração de uma antiga mina de saibro.


Em outro Foral do Lorvão datado de 1515, do Loureiro:

  • João Anes

De Cacia:

  • Pedro Anes
  • Pedro Anes o moço
  • Pedro Martins
  • Afonso Gonçalves
  • Fernão Anes
  • Afonso Anes
  • André Gonçalves
  • Afonso Álvares
  • João Pires
  • Sebastião Afonso
  • Afonso Vaz
  • Pedro Gil
  • Álvaro Fernandes vogado
  • João Álvares
  • João Anes
  • João Anes de Ricardães
  • João Rodrigues
  • Pedro Álvares, filho de Álvaro Afonso
  • Catarina Anes
  • Antonio Anes

De Sarrazola

  • João Rodrigues
  • Afonso Rodrigues
  • Rodrigo Anes
  • Miguel Anes
  • Pedro Anes
  • João de Farmo galinha

Em confirmação dos forais datada de 1564, compareceram para prestar contas, na casa de João Pires Arrais em Vilarinho, os casais foreiros deste lugar, de onde eram moradores:

  • Antonio Couceiro
  • João Pires Arrais
  • André Afonso
  • André Gonçalves filho de Gonçalo Vicente por Violante Pires
  • Tomás Dias e Fernando Afonso

Foram informantes Lourenço Afonso, João Gil, João Fernandes o novo


Em 21 de agosto de 1560, na casa de Francisco Anes lavrador, filho do alfaiate, tiveram de apresentar seus títulos de aforamento ao Lorvão os seguintes casais:

André Afonso, filho de Sebastião Afonso, com sua mulher Andresa Pires, cabeça do casal novo e André Anes da serra com sua mulher Maria Pires cabeça do casal de João Fernandes moço. Presentes Mateus André e Maria Fernandes sua mulher e André Fernandes, filho de Diogo Fernandes, e Maria Gonçalves sua mulher. Presentes cabeça do casal de Catarina Anes e André Afonso de casanova e sua mulher Beatriz Afonso presentes cabeça do casal de Pedro Anes velho e João Afonso genro de Afonso Vaz e sua mulher Branca pires presentes cabeça do casal do Galego e Pedro Anes Pricos viúvo. Presente cabeça do casal de Pedro Fernandes moço e João Alves Vogado ausentes. Cabeça do casal do vogado e Francisco Martins e sua mulher Leonor Pires. Presentes cabeça do casal João Pires marnoto e João Gonçalves pai de sua mulher Catarina Pires. Presentes cabeça do casal de Pedro Anes das enruclas? Testemunhas presentes foram João André e André Pires seu filho, e Domingos Pires moradores em Cacia. É citada ainda Maria Afonso, viúva de Duarte Gonçalves.


Um aviso de 18 de janeiro de 1758 do Secretário de Estado dos Negócios do Reino, Sebastião José de Carvalho e Melo, fazia remeter, através dos principais prelados, e para todos os párocos do reino, os interrogatórios sobre as paróquias e povoações pedindo as suas descrições geográficas, demográficas, históricas, econômicas, e administrativas, para além da questão dos estragos provocados pelo terremoto de 1.º de Novembro de 1755. As respostas deveriam ser remetidas à Secretaria de Estado dos Negócios do Reino. Transcrevo a resposta:

Cacia está situada na Província da Beira; pertence ao Bispado de Coimbra; ao termo da vila de Esgueira; à comarca de Coimbra e é cabeça de freguesia.

É terra de donatário e de presente o é a dona abadessa do convento de Santa Maria de Lorvão da ordem de Cister, sito no termo de Coimbra em duas léguas de distância da cidade para o nascente.

Tem o lugar de Cacia 139 vizinhos e 364 pessoas de confissão. Toda a freguesia tem 446 vizinhos e 1244 pessoas de confissão.

Está Cacia situada em campina e dela se descobrem as povoações seguintes: a vila de Angeja que dista um quarto de légua, o lugar de Fermelã que dista pouco mais, os lugares de Canelas e Salreu que distam uma légua, a vila de Estarreja, os lugares de Veiros, Branca e Bemposta que distam duas léguas; todas estas povoações ficam para o norte. Para o poente se avista o lugar Sarrazola, que é da freguesia e dista meio quarto de légua.

Cacia não é cabeça de termo, mas pertence à vila de Esgueira, que é a cabeça como se disse.

Está a paróquia fora da povoação, junto ao rio Vouga e tem somente as casas da residência paroquial. A freguesia compreende as aldeias seguintes:

  • Cacia, que dista da paróquia dois tiros de mosquete e conta 139 vizinhos com 364 pessoas,
  • Quinta do Loureiro que dista meio quarto de légua e tem 42 vizinhos com 132 pessoas,
  • Sarrazola que dista dois tiros de mosquete e se compõe de 140 vizinhos com 409 pessoas,
  • Vilarinho que dista pouco mais de um tiro de mosquete o qual é povoado com 82 vizinhos e 222 pessoas,
  • Póvoa que dista meia légua e contém 43 vizinhos com 117 pessoas.

O documento prossegue descrevendo a geografia, recursos do lugar, hábitos religiosos da população, criações e lavoura (bons cavalos, milho e trigo, e pouco vinho), ressalta não haver em Cacia pessoas ilustres no presente nem no passado, correio, hospital, ruínas, castelos, torres, edifícios históricos ou dignos de memória, fontes nem lagoas, nem jamais se encontrou ouro; descreve em detalhes o rio Vouga por cerca de quase um terço do texto.

Residência de Cacia aos 16 de março de 1758, Luis Carlos das Povoas Coutinho, Vigário de Cacia.


Livros de registros eclesiásticos de Cacia:

Os primeiros quatro livros de matrimônios, batizados e óbitos de Cácia estão perdidos. Estima-se que tenham começado por volta de 1590, época da qual datam os primeiros livros de Esgueira, freguesia vizinha ao sudoeste. Assim sendo, os registros mais antigos que descobrimos de moradores de Cacia provêm dos primeiros livros das freguesias vizinhas. Entre estas pessoas, o mais antigo que conseguimos ligar à árvore é Gonçalo Fernandes, nascido cerca de 1545, casado com Isabel Francisca, moradores na Quinta de São Simão, local que em 1550 fazia parte de Cacia mas hoje pertence ao lugar de Taboeira, em Esgueira.

Para facilitar a consulta transcrevemos os seguintes livros:

Com base nestes livros os casais que moravam em Cacia no final do Século XVI e na primeira metade do século XVII ou pouco depois, cujos filhos ali se casaram eram (apenas registros em que aparecem os locais pois há outros sem endereço, ilegíveis ou incompletos):

Na Quinta de São Simão:

  1. Gonçalo Fernandes e Isabel Francisca

No lugar de Cacia:

  1. André Dias e Maria João
  2. André Domingues e Maria André
  3. André Duarte e Catarina André
  4. André Duarte e Maria André
  5. André Francisco do Rego e Maria Simões
  6. André Manuel e Antonia Tomé
  7. André Marques e Maria André
  8. André Pires e Catarina André
  9. André Pires e Catarina Antonia
  10. André Pires e Maria Simões
  11. André Simões e Maria André
  12. Antão Manuel e Catarina Antonia
  13. Antonio André e Maria André
  14. Antonio Francisco e Isabel Fernandes
  15. Antonio Gonçalves e Maria André
  16. Antonio Gonçalves e Maria Francisca
  17. Antonio João e Maria André
  18. Antonio Mateus e Maria Antonia
  19. Ascenso Rodrigues e Isabel Antonia
  20. Bartolomeu André e Catarina Domingas
  21. Domingos André e Isabel André
  22. Domingos André e Isabel André (homônimos)
  23. Domingos André e Maria Dias
  24. Domingos André e Maria Nunes
  25. Domingos Antonio, o velho, e Maria André
  26. Domingos Dias e Isabel André
  27. Domingos Fernandes e Isabel Antonia
  28. Domingos Fernandes e Isabel Simão
  29. Domingos Gonçalves e Maria André
  30. Domingos João e Maria dos Reis
  31. Domingos Mateus e Barbara Duarte
  32. Domingos Mateus e Maria André
  33. Domingos Mateus e Páscoa Duarte
  34. Domingos Pires e Catarina André
  35. Domingos Rodrigues e Maria João
  36. Francisco Domingues e Domingas Dias
  37. Francisco Jorge e Maria André
  38. Francisco Mateus e Maria Mateus
  39. Francisco Pereira e Maria Antonia
  40. João Duarte e Maria André
  41. João Jorge e Catarina Jorge
  42. João Mateus e Catarina Antonia
  43. João Mateus e Madalena Martins
  44. João Nunes e Maria André
  45. João Rebelo e Maria Duarte
  46. João Rodrigues e Madalena Francisca
  47. Juliano Francisco e Isabel Antonia
  48. Lourenço Fernandes e Antonia Jorge
  49. Manuel André, da bica, e Isabel André
  50. Manuel André e Madalena André
  51. Manuel André e Maria Simões
  52. Manuel André e Maria Antonia
  53. Manuel Domingues e Isabel Francisca
  54. Manuel Fernandes e Catarina Antonia
  55. Manuel Francisco e Jerônima João
  56. Manuel Francisco e Madalena André
  57. Manuel Francisco e Maria Mateus
  58. Manuel Gaspar e Isabel Manuel
  59. Manuel Gaspar e Maria de Almeida
  60. Manuel Gonçalves e Maria André
  61. Manuel João e Isabel Fernandes
  62. Manuel Jorge e Catarina Miguez
  63. Manuel Mateus e Maria André
  64. Manuel Rodrigues e Maria Mateus
  65. Manuel Simões e Antonia Fernandes
  66. Manuel Simões e Maria Antonia
  67. Marcos Francisco e Antonia Manuel
  68. Marcos Francisco e Maria Manuel
  69. Mateus André e Maria Francisca
  70. Mateus Fernandes e Isabel Fernandes
  71. Mateus Francisco e Isabel João
  72. Mateus Francisco e Maria André
  73. Matias Fernandes e Maria Fernandes
  74. Miguel André e Maria André
  75. Miguel de Azevedo e Antonia Duarte
  76. Miguel Mateus e Antonia Fernandes
  77. Miguel Pires e Catarina André
  78. Miguel Simões e Isabel Fernandes
  79. Pedro Antunes e Maria Nunes
  80. Pedro Domingos e Domingas André
  81. Sebastião André e Maria Dias
  82. Sebastião Dias e Maria Fernandes
  83. Simão André e Maria Manuel
  84. Tomé André e Catarina João

No lugar da Póvoa do Paço:

  1. André Mateus e Isabel Antonia
  2. André Mateus e Maria Gaspar
  3. Domingos Antonio e Ana André
  4. Domingos Antonio e Ascensa André
  5. Domingos Antonio (viuvo), o tabueira de alcunha, e Maria Antonia
  6. Domingos Fernandes, o Roxico e Maria André, e Maria Manuel
  7. Gaspar Rebelo e Catarina João
  8. João Amador e Bárbara Gaspar e Maria Francisca Martins
  9. Manuel André, o ledras de alcunha, e Ana Antonia
  10. Manuel Esteves e Mônica Gaspar (moraram em Esgueira)
  11. João Esteves e Maria Antonia

Na Quinta do Loureiro:

  1. André Afonso e Maria Lopes
  2. André Domingues e Antonia André
  3. André Fernandes e Maria Simões
  4. André Gonçalves e Graça André
  5. Antonio André Rato, o novo, de Cacia, e Maria André
  6. Antonio João e Ana Manuel
  7. Domingos André Sarmento e Maria André
  8. Mateus Miguez e Isabel Luis
  9. Domingos André, o novo e Isabel Rodrigues
  10. Domingos Jorge e Maria Rodrigues (chegaram em agosto de 1668)
  11. João Fernandes e Domingas João
  12. Manuel Domingues e Isabel Antonia
  13. Manuel Francisco, o peixico de alcunha, e Maria Luis
  14. Manuel de Azevedo, de Cácia e Isabel Francisca, da Quintã
  15. Manuel Rodrigues e Maria Mateus
  16. Pedro Fernandes, Catarina, solteira, e Isabel Antonia
  17. Pedro Francisco e Maria André

No lugar de Sarrazola:

  1. André Afonso e Maria André
  2. André Dias e Madalena Dias
  3. André Domingos e Domingas Mateus
  4. André Fernandes e Antonia Fernandes
  5. André Manuel e Antonia Nunes
  6. André Marques e Isabel Jorge
  7. André Vicente e Madalena Dias
  8. Antonio André e Andresa André
  9. Antonio André e Catarina André
  10. Antonio André e Domingas Antonia
  11. Antonio André e Isabel Jorge
  12. Antonio André e Isabel Mateus
  13. Antonio André e Maria Antonia
  14. Antonio André Raso e Maria Tomé
  15. Antonio Gomes e Maria Teixeira
  16. Antonio Gonçalves e Isabel André
  17. Antonio Jorge e Maria Antonia
  18. Antonio Manuel e Antonia Nunes
  19. Antonio Rodrigues e Isabel Fernandes
  20. Diogo Rodrigues e Andresa João
  21. Domingos André e Ana Gomes
  22. Domingos André e Isabel André
  23. Domingos André e Isabel Fernandes
  24. Domingos André e Maria André
  25. Domingos André e Paula de Almeida
  26. Domingos Fernandes e Maria André
  27. Domingos Fernandes e Isabel Gomes
  28. Domingos João e Isabel André
  29. Domingos Lopes e Maria André
  30. Domingos Mateus e Maria André
  31. Domingos Rodrigues e Maria Mateus
  32. Francisco Gonçalves e Isabel Manuel
  33. Francisco Rodrigues e Maria André
  34. Gaspar Dias e Isabel Fernandes
  35. João André e Domingas André
  36. João Antão e Madalena Sebastiana
  37. João Antonio e Isabel Simões
  38. João Antonio Delgado e Antonia Miguez
  39. João Gaspar e Maria Antonia
  40. João Mateus Antonia
  41. João Rodrigues e Catarina André
  42. João Rodrigues e Isabel André
  43. João Tomé e Isabel André
  44. Jorge Fernandes e Bárbara João
  45. Juliano André e Maria Antonia
  46. Lourenço André e Catarina João
  47. Manuel André e Isabel Gregória
  48. Manuel André e Maria André
  49. Manuel André e Maria da Conceição
  50. Manuel André da Costa e Maria André
  51. Manuel Domingues e Antonia Marques
  52. Manuel Fernandes e Maria Antonia
  53. Manuel Gomes e Madalena André
  54. Manuel Gomes e Cecília Gomes
  55. Manuel João e Catarina André
  56. Manuel João e Francisca André
  57. Manuel João e Isabel Francisca
  58. Manuel Rodrigues e Isabel André
  59. Manuel Rodrigues e Catarina João
  60. Manuel Rodrigues e Maria Mateus
  61. Manuel Rodrigues Gregório e Maria André
  62. Marcos André e Maria Fernandes
  63. Mateus André e Domingas Antonia
  64. Mateus André Salgado e Isabel André
  65. Mateus João e Domingas Tomé
  66. Rafael Gaspar e Isabel André
  67. Roque Rodrigues e Inês Manuel
  68. Sebastião André e Ana Luis
  69. Tomé Nunes e Isabel André

No lugar de Vilarinho:

  1. André Dias e Maria de Almeida
  2. André Fernandes e Joana da Maia
  3. André Gaspar e Antonia João
  4. Antonio André e Isabel Dias
  5. Antonio André e Maria Correia
  6. Antonio Fernandes e Domingas João
    1. Maria Antonia e Domingos Antonio
  7. Antonio Fernandes e Isabel André
  8. Antonio Fernandes e Isabel Domingos
  9. Antonio Fernandes e Maria André
  10. Antonio Fernandes e Marta João
  11. Antonio Gonçalves e Domingas Jorge
  12. Brás Gonçalves e Maria André
  13. Constantino Pereira e Inês Antonia
  14. Domingos André e Maria Francisca
  15. Domingos André e Domingas Nunes
  16. Domingos Antão e Madalena Simões
  17. Domingos Antonio e Andresa Domingues
  18. Domingos Antonio e Maria Antonia
  19. Domingos Fernandes e Isabel Francisca
  20. Domingos Fernandes e Isabel João
  21. Domingos Fernandes e Maria André
  22. Domingos Fernandes e Madalena Antonia
  23. Domingos Fernandes e Mônica Antão
  24. Domingos Francisco e Domingas André
  25. Domingos Gonçalves e Maria Dias
  26. Domingos Jorge e Domingas Antonia
  27. Francisco Fernandes e Maria André
  28. Francisco Jorge e Maria Francisca
  29. Gregório Fernandes e Maria Gomes
  30. João Gonçalves e Maria André
  31. João Rodrigues e Domingas André
  32. João Soares e Domingas André
  33. José Antonio e Margarida Rebelo
  34. Manuel André e Ana André
  35. Manuel André Rangel e Agostinha Luis
  36. Manuel Francisco e Isabel da Fonseca
  37. Manuel Francisco e Maria Antonia
  38. Manuel João, o pequenacho de alcunha, e Ana Gomes
  39. Manuel João e Isabel André
  40. Manuel João e Isabel Francisca
  41. Manuel João Esteves e Ana Manuel
  42. Manuel Marques e Madalena
  43. Manuel Simões e Madalena João
  44. Martinho André e Helena de Pinho
  45. Mateus Fernandes e Domingas André
  46. Mateus Gonçalves e Madalena Antonia
  47. Mateus João e Maria de Pinho
  48. Matias Coelho e Maria Luis
  49. Matias Rebelo e Maria João
  50. Pedro André e Madalena Simões
  51. Pedro Gonçalves e Catarina Fernandes
  52. Pedro Gonçalves e Maria Francisca
  53. Sebastião André e Maria Esteves
  54. Sebastião Domingos e Madalena Manuel
  55. Tomé Fernandes e Antonia Pires

Trata este projeto da genealogia das famílias da Freguesia de Cacia (Aveiro, Portugal).

A data do início da povoação em Cacia é incerta. Há referências da existência de construções romanas dos séculos V e VI neste local.

Já havia ali um povoado por volta do ano 1100, conforme documentos relativos a administração do Mosteiro de Lorvão: 25 de agosto de 1106 — O Conde D. Henrique e D. Teresa, sua mulher, doaram ao Mosteiro de Lorvão metade de Cacia – medietatem de villa nostra nomine Cacia; no mesmo documento, a título de confrontações, há referências ao Vouga e a Fontela, Esgueira, Vilarinho e Matança (Torre do Tombo, C. R., Lorvão, m. II, doc. 12) – J.

Em 19 de agosto de 1445 já estava construída a igreja de São Julião de Cacia: — El-Rei D. Afonso V concedeu a Diogo Vaz Couceiro, pela primeira vez, o título de Morgado de Vilarinho e o padroado da igreja de S. Julião de Cacia (Marques Gomes, Subsídios para a História de Aveiro, pg. 369, e O Districto de Aveiro, pg. 163) – J.

A freguesia é composta por cinco lugares: a vila de Cacia, Vilarinho, Sarrazola, Póvoa do Paço e Quinta de Loureiro. A sede da paróquia fica à margem do rio Vouga, em local conhecido como Outeiro, no lugar de Vilarinho, adjacente ao local onde originalmente parece ter havido construções romanas, bastante destruídas devido a exploração de uma antiga mina de saibro.

Um aviso de 18 de janeiro de 1758 do Secretário de Estado dos Negócios do Reino, Sebastião José de Carvalho e Melo, fazia remeter, através dos principais prelados, e para todos os párocos do reino, os interrogatórios sobre as paróquias e povoações pedindo as suas descrições geográficas, demográficas, históricas, econômicas, e administrativas, para além da questão dos estragos provocados pelo terremoto de 1.º de Novembro de 1755. As respostas deveriam ser remetidas à Secretaria de Estado dos Negócios do Reino. Transcrevo a resposta:

Cacia está situada na Província da Beira; pertence ao Bispado de Coimbra; ao termo da vila de Esgueira; à comarca de Coimbra e é cabeça de freguesia.

É terra de donatário e de presente o é a dona abadessa do convento de Santa Maria de Lorvão da ordem de Cister, sito no termo de Coimbra em duas léguas de distância da cidade para o nascente.

Tem o lugar de Cacia 139 vizinhos e 364 pessoas de confissão. Toda a freguesia tem 446 vizinhos e 1244 pessoas de confissão.

Está Cacia situada em campina e dela se descobrem as povoações seguintes: a vila de Angeja que dista um quarto de légua, o lugar de Fermelã que dista pouco mais, os lugares de Canelas e Salreu que distam uma légua, a vila de Estarreja, os lugares de Veiros, Branca e Bemposta que distam duas léguas; todas estas povoações ficam para o norte. Para o poente se avista o lugar Sarrazola, que é da freguesia e dista meio quarto de légua.

Cacia não é cabeça de termo, mas pertence à vila de Esgueira, que é a cabeça como se disse.

Está a paróquia fora da povoação, junto ao rio Vouga e tem somente as casas da residência paroquial. A freguesia compreende as aldeias seguintes:

  • Cacia, que dista da paróquia dois tiros de mosquete e conta 139 vizinhos com 364 pessoas,
  • Quinta do Loureiro que dista meio quarto de légua e tem 42 vizinhos com 132 pessoas,
  • Sarrazola que dista dois tiros de mosquete e se compõe de 140 vizinhos com 409 pessoas,
  • Vilarinho que dista pouco mais de um tiro de mosquete o qual é povoado com 82 vizinhos e 222 pessoas,
  • Póvoa que dista meia légua e contém 43 vizinhos com 117 pessoas.

O documento prossegue descrevendo a geografia, recursos do lugar, hábitos religiosos da população, criações e lavoura (bons cavalos, milho e trigo, e pouco vinho), ressalta não haver em Cacia pessoas ilustres no presente nem no passado, correio, hospital, ruínas, castelos, torres, edifícios históricos ou dignos de memória, fontes nem lagoas, nem jamais se encontrou ouro; descreve em detalhes o rio Vouga por cerca de quase um terço do texto.

Residência de Cacia aos 16 de março de 1758, Luis Carlos das Povoas Coutinho, Vigário de Cacia.


Livros de registros eclesiásticos de Cacia:

Os primeiros quatro livros de matrimônios, batizados e óbitos de Cácia estão perdidos. Estima-se que tenham começado por volta de 1590, época da qual datam os primeiros livros de Esgueira, freguesia vizinha ao sudoeste.

Para facilitar a consulta transcrevemos os seguintes livros:

Com base nestes livros os casais que moravam em Cacia no final do Século XVI e na primeira metade do século XVII ou pouco depois, cujos filhos ali se casaram eram (apenas registros em que aparecem os locais pois há outros sem endereço, ilegíveis ou incompletos):

No lugar de Cacia:

  1. André Dias e Maria João
  2. André Domingues e Maria André
  3. André Duarte e Catarina André
  4. André Duarte e Maria André
  5. André Francisco do Rego e Maria Simões
  6. André Manuel e Antonia Tomé
  7. André Marques e Maria André
  8. André Pires e Catarina André
  9. André Pires e Catarina Antonia
    1. Domingos Dias e Madalena Fernandes
  10. André Pires e Maria Simões
  11. André Simões e Maria André
  12. Antão Manuel e Catarina Antonia
  13. Antonio André e Maria André
    1. André Francisco e Maria Simões
      1. Maria
      2. Manuel
      3. André
      4. Isabel
      5. Maria
      6. Antonia Simões e Mateus Miguez
      7. Catarina
    2. Domingos Francisco
    3. Domingas Antonia e Manuel Simões
    4. Maria Antonia
  14. Antonio Francisco e Isabel Fernandes
  15. Antonio Gonçalves e Maria André
  16. Antonio Gonçalves e Maria Francisca
  17. Antonio João e Maria André
  18. Antonio Mateus e Maria Antonia
  19. Ascenso Rodrigues e Isabel Antonia
  20. Bartolomeu André e Catarina Domingas
  21. Domingos André e Isabel André
    1. Manuel André
    2. Isabel André
    3. Domingos André e Isabel Domingues
      1. Manuel
      2. Isabel
      3. Domingos
      4. Antonio
  22. Domingos André e Isabel André (homônimos)
    1. Isabel André e Mateus Miguez
  23. Domingos André e Maria Dias
  24. Domingos André e Maria Nunes
  25. Domingos Antonio e Maria André
  26. Domingos Dias e Isabel André
    1. Manuel
    2. Domingos
    3. Madalena
    4. Domingas
    5. Maria André Dias e Simão Fernandes
  27. Domingos Fernandes e Isabel Antonia
  28. Domingos Fernandes e Isabel Simão
  29. Domingos Gonçalves e Maria André
  30. Domingos João e Maria dos Reis
  31. Domingos Mateus e Barbara Duarte
  32. Domingos Mateus e Maria André
  33. Domingos Mateus e Páscoa Duarte
  34. Domingos Pires e Catarina André
    1. Isabel Domingues e Domingos André
  35. Domingos Rodrigues e Maria João
    1. Maria João e André Dias
  36. Francisco Domingues e Domingas Dias
  37. Francisco Jorge e Maria André
  38. Francisco Mateus e Maria Mateus
    1. Manuel Francisco e Maria André
      1. Maria
      2. Manuel
      3. Manuel
    2. Domingas Francisca
    3. Madalena Francisca e Manuel Simões
  39. Francisco Pereira e Maria Antonia
  40. João Duarte e Maria André
  41. João Jorge e Catarina Jorge
    1. Catarina Jorge e Juliano André
    2. João Jorge e Isabel Antonia
      1. Matias Jorge e Andresa Dias
      2. João
      3. Manuel
  42. João Mateus e Catarina Antonia
  43. João Mateus e Madalena Martins
  44. João Nunes e Maria André
  45. João Rebelo e Maria Duarte
  46. João Rodrigues e Madalena Francisca
  47. Juliano Francisco e Isabel Antonia
    1. Sebastião Francisco e Maria Domingues
      1. Manuel
      2. João
      3. Sebastião
      4. Manuel Francisco e Catarina Antonia
  48. Lourenço Fernandes e Antonia Jorge
  49. Manuel André, da bica, e Isabel André
    1. Tomé André e Maria Antonia
  50. Manuel André e Madalena André
  51. Manuel André e Maria Simões
  52. Manuel André e Maria Antonia
  53. Manuel Domingues e Isabel Francisca
  54. Manuel Fernandes e Catarina Antonia
  55. Manuel Francisco e Jerônima João
  56. Manuel Francisco e Madalena André
  57. Manuel Francisco e Maria Mateus
  58. Manuel Gaspar e Isabel Manuel
  59. Manuel Gaspar e Maria de Almeida
  60. Manuel Gonçalves e Maria André
  61. Manuel João e Isabel Fernandes
  62. Manuel Jorge e Catarina Miguez
  63. Manuel Mateus e Maria André
  64. Manuel Rodrigues e Maria Mateus
  65. Manuel Simões e Antonia Fernandes
  66. Manuel Simões e Maria Antonia
  67. Marcos Francisco e Antonia Manuel
  68. Marcos Francisco e Maria Manuel
  69. Mateus André e Maria Francisca
  70. Mateus Francisco e Isabel João
  71. Mateus Francisco e Maria André
  72. Matias Fernandes e Maria Fernandes
  73. Miguel André e Maria André
  74. Miguel de Azevedo e Antonia Duarte
  75. Miguel Mateus e Antonia Fernandes
  76. Miguel Pires e Catarina André
    1. Isabel André e Manuel Rodrigues
  77. Miguel Simões e Isabel Fernandes
  78. Pedro Antunes e Maria Nunes
    1. Manuel Nunes e Maria Antonia
  79. Pedro Domingos e Domingas André
  80. Sebastião André e Maria Dias
  81. Sebastião Dias e Maria Fernandes
  82. Simão André e Maria Manuel
    1. Manuel Simões, Domingas Antonia e Madalena Francisca
      1. Manuel
    2. Maria Simões e André Francisco
    3. Isabel Manuel
    4. Domingos Manuel
  83. Tomé André e Catarina João

No lugar da Póvoa do Paço:

  1. André Mateus e Isabel Antonia
    1. Catarina Antonia e Manuel João
    2. Luisa Mateus e Domingos Fernandes
  2. André Mateus e Maria Gaspar
    1. Maria André e Manuel Francisco
    2. Madalena André e Domingos Mateus
  3. Domingos Antonio e Ana André
  4. Domingos Antonio e Ascensa André
    1. Madalena João e Manuel Fernandes
  5. Domingos Antonio (viuvo), o tabueira de alcunha, e Maria Antonia
    1. Manuel
  6. Domingos Fernandes, o roxico de alcunha, e Maria André
    1. Isabel André e Manuel Domingues
    2. Maria André e João Francisco
    3. Domingas André e Manuel João
    4. Manuel Fernandes e Madalena João
    5. Domingos Fernandes e Luisa Mateus
  7. Domingos Fernandes, o novo, e Maria Manuel
    1. Domingos
    2. Maria
    3. Antonio
    4. Isabel
    5. João
  8. Gaspar Rebelo e Catarina João
    1. Branca da Cunha, Antonio Fernandes e Antonio João
      1. Catarina Rebelo e Gregório Pires
      2. Natália da Cunha e Domingos Ribeiro
    2. Manuel Rebelo da Cunha, padre
  9. João Amador e Bárbara Gaspar
    1. Maria João e Mateus Gonçalves
  10. João Amador e Maria Francisca Martins
    1. Manuel
    2. João
    3. Maria Amador e Domingos Amador,da Murtosa
    4. Isabel
  11. João Francisco e Isabel Nunes (vindos de Ílhavo)
    1. João Francisco e Maria André
  12. Manuel André, o ledras de alcunha, e Ana Antonia
    1. Maria Antonia e Domingos Jorge
  13. Manuel Esteves e Mônica Gaspar (mudaram para Esgueira?)
    1. João Esteves e Maria da Fonseca
  14. Pedro João e Mariana Rebelo
    1. Maria da Cunha e Francisco João
    2. Branca
    3. Ana
    4. Francisca
    5. Manuel
    6. Manuel?
    7. João

Na Quinta do Loureiro:

  1. André Afonso e Maria Lopes
    1. Maria André e Luis André
    2. Simão André e Cecília André
  2. André Fernandes e Maria Simões
    1. Antonio
  3. Antonio André, o rato de alcunha, e Maria André
    1. Manuel
    2. Antonio
    3. Maria
  4. Antonio João e Ana Manuel
    1. Maria Antonia e Manuel Nunes
      1. Madalena
      2. João
      3. Domingos
      4. André
  5. Domingos André, o fermento de alcunha, e Maria André
    1. Domingos André, o novo, e Isabel Rodrigues
      1. Manuel
      2. Domingos
      3. Domingas
    2. Manuel André e Maria Dias
      1. Maria
      2. Domingas
      3. Custódia
    3. Madalena Fernandes e Domingos Dias
    4. Maria André e Domingos Gonçalves
      1. Maria
    5. Catarina
    6. André
  6. Domingos Mateus e Maria André
    1. Mateus Miguez e Isabel André
      1. Maria Miguez e Antonio Simões Maio
      2. Mateus Miguez e Antonia Simões
      3. João
      4. Domingos Miguez
    2. Manuel Mateus e Maria André
  7. Domingos Jorge e Maria Rodrigues (chegaram em agosto de 1668)
    1. Maria
  8. João Fernandes e Domingas João
    1. Maria
    2. Domingas
    3. João
    4. Andresa Dias e Matias Jorge
  9. Luis André e Maria André
    1. Luis André e Maria André
      1. Mateus
  10. Manuel de Azevedo e Isabel Francisca (vieram de Cacia)
    1. Miguel
    2. Miguel
    3. Antonio
    4. Antonio
    5. João
  11. Manuel Domingues e Isabel Antonia
    1. Manuel
    2. Domingos
    3. Maria
  12. Manuel Francisco, o peixico de alcunha, e Maria Luis
    1. André
    2. Maria Luis e Domingos Duarte
    3. Ana
    4. Luis
    5. João
    6. Domingas
  13. Manuel Rodrigues e Maria Mateus
  14. Pedro Fernandes, Catarina, solteira, e Isabel Antonia
    1. Maria Fernandes e André Mateus
      1. Simão Fernandes e Maria André Dias
    2. Maria Antonia e Tomé André
  15. Pedro Francisco e Maria André
    1. Maria André e Manuel Mateus

No lugar de Sarrazola:

  1. André Afonso e Marta Antonia
  2. André Antão e Maria André
    1. André Antão e Marta Antonia
      1. Isabel
    2. Manuel André e Madalena André (primos de 4.º)
  3. André Dias e Madalena Dias
    1. André Dias e Madalena João
  4. André Domingos e Domingas Mateus
  5. André Fernandes e Antonia Fernandes
    1. Manuel Gomes e Cecília Gomes
  6. André Manuel e Antonia Nunes
  7. André Marques e Isabel Jorge
  8. André Mateus e Marta Teixeira
  9. André Mateus e Madalena Teixeira
  10. André Vicente e Madalena Dias
  11. Antonio André e Andresa André
  12. Antonio André e Catarina André
  13. Antonio André e Domingas Antonia
  14. Antonio André e Isabel Jorge
  15. Antonio André e Isabel Mateus
  16. Antonio André e Maria Antonia
  17. Antonio André Raso e Maria Tomé
  18. Antonio Gomes e Maria Teixeira
    1. Cecília Gomes e Manuel Gomes
    2. Isabel Teixeira e Manuel de Figueiredo
  19. Antonio Gonçalves e Isabel André
  20. Antonio Jorge e Maria Antonia
  21. Antonio Manuel e Antonia Nunes
  22. Antonio Marques e Ana Gomes
  23. Antonio Rodrigues e Isabel Fernandes
    1. Antonio Rodrigues e Maria Antonia
    2. Manuel Rodrigues e Isabel André
      1. João
      2. Pascoal
      3. Sebastião
      4. Antonia
      5. Antonio
  24. Diogo Rodrigues e Andresa João
  25. Domingos André e Ana Gomes
  26. Domingos André e Isabel André
  27. Domingos André e Isabel Fernandes
  28. Domingos André e Maria André
    1. Maria André e Sebastião André
    2. Madalena André e Manuel André
  29. Domingos André e Paula de Almeida
  30. Domingos Fernandes e Maria André
  31. Domingos Fernandes e Isabel Gomes
  32. Domingos João e Isabel André
  33. Domingos Lopes e Maria André
    1. Maria André e Manuel Francisco
  34. Domingos Mateus e Maria André
  35. Domingos Rodrigues e Maria Mateus
  36. Francisco Gonçalves e Isabel Manuel
  37. Francisco Rodrigues e Maria André
  38. Gaspar Dias e Isabel Fernandes
  39. João André e Domingas André
  40. João Antão e Madalena Sebastiana
  41. João Antonio e Isabel Simões
  42. João Antonio Delgado e Antonia Miguez
  43. João Gaspar e Maria Antonia
  44. João Gomes e Maria Fernandes
  45. João Mateus Antonia
  46. João Rodrigues e Catarina André
  47. João Rodrigues e Isabel André
  48. João Tomé e Isabel André
  49. Jorge Fernandes e Bárbara João
  50. Juliano André e Maria Antonia
  51. Lourenço André e Catarina João
    1. Isabel André e Manuel André
  52. Manuel André e Isabel Gregória
  53. Manuel André e Maria André
  54. Manuel André e Maria da Conceição
  55. Manuel André da Costa e Maria André
  56. Manuel Antonio e Madalena Teixeira
  57. Manuel Domingues e Antonia Marques
  58. Manuel Fernandes e Madalena André
  59. Manuel Fernandes e Maria Antonia
  60. Manuel Gomes e Madalena André
  61. Manuel Gomes e Cecília Gomes
  62. Manuel João e Catarina André
  63. Manuel João e Francisca André
  64. Manuel João e Isabel Francisca
  65. Manuel Rodrigues e Isabel André
  66. Manuel Rodrigues e Catarina João
  67. Manuel Rodrigues e Madalena Teixeira
  68. Manuel Rodrigues e Maria Mateus
  69. Manuel Rodrigues Gregório e Maria André
  70. Marcos André e Maria Fernandes
  71. Mateus André e Domingas Antonia
    1. Mateus André e Madalena Luis
      1. Joana
    2. Manuel André e Isabel André
    3. Antonio André
  72. Mateus André Salgado e Isabel André
  73. Mateus João e Domingas Tomé
  74. Rafael Gaspar e Isabel André
    1. Isabel André e João Rodrigues
  75. Roque Rodrigues e Inês Manuel
    1. João Rodrigues e Isabel André
  76. Sebastião André e Ana Luis
    1. Sebastião André e Maria André
    2. Madalena Luis e Mateus André
  77. Tomé Nunes e Isabel André

No lugar de Vilarinho:

  1. André Dias e Maria de Almeida
  2. André Fernandes e Joana da Maia
  3. André Gaspar e Antonia João
  4. Antonio André e Isabel Dias
  5. Antonio André e Maria Correia
  6. Antonio Fernandes e Domingas João
    1. Maria Antonia e Domingos Antonio
  7. Antonio Fernandes e Isabel André
  8. Antonio Fernandes e Isabel Domingos
  9. Antonio Fernandes e Maria André
  10. Antonio Fernandes e Marta João
  11. Antonio Gonçalves e Domingas Jorge
    1. Juliano André e Marta André
  12. Brás Gonçalves e Maria André
  13. Constantino Pereira e Inês Antonia
  14. Domingos André e Maria Francisca
    1. Antonio André e Maria Correia
  15. Domingos André e Domingas Nunes
  16. Domingos Antão e Madalena Simões
  17. Domingos Antonio e Andresa Domingues
    1. Maria Antonia e Domingos Fernandes
  18. Domingos Antonio e Maria Antonia
  19. Domingos Fernandes e Isabel Francisca
  20. Domingos Fernandes e Isabel João
    1. Domingos Fernandes e Maria Antonia
  21. Domingos Fernandes e Maria André
  22. Domingos Fernandes e Madalena Antonia
  23. Domingos Fernandes e Mônica Antão
  24. Domingos Francisco e Domingas André
  25. Domingos Gonçalves e Maria Dias
  26. Domingos Jorge e Domingas Antonia
    1. Domingos Jorge e Maria Antonia
  27. Domingos Mateus e Maria Soares
  28. Francisco Fernandes e Maria André
  29. Francisco Jorge e Maria Francisca
  30. Gregório Fernandes e Maria Gomes
    1. João Gomes e Isabel Fernandes
  31. João Gonçalves e Maria André
  32. João Rodrigues e Domingas André
  33. João Soares e Domingas André
  34. José Antonio e Margarida Rebelo
  35. Manuel André e Ana André
  36. Manuel André Rangel e Agostinha Luis
  37. Manuel Francisco e Isabel da Fonseca
    1. Manuel Francisco e Maria André
  38. Manuel Francisco e Maria Antonia
  39. Manuel João, o pequenacho de alcunha, e Ana Gomes
    1. Manuel João e Catarina Antonia
    2. Francisco João e Maria da Cunha
  40. Manuel João e Isabel André
  41. Manuel João e Isabel Francisca
  42. Manuel João Esteves e Ana Manuel
  43. Manuel Marques e Madalena
  44. Manuel Simões e Madalena João
  45. Marcos e Maria Fernandes
  46. Martinho André e Helena De Pinho
  47. Mateus Fernandes e Domingas André
  48. Mateus Gonçalves e Madalena Antonia
  49. Mateus João e Maria de Pinho
  50. Matias Coelho e Maria Luis
  51. Matias Francisco e Maria Soares
  52. Matias Rebelo e Maria João
  53. Pedro André e Madalena Simões
  54. Pedro Gonçalves e Catarina Fernandes
    1. Isabel Fernandes e João Gomes
  55. Pedro Gonçalves e Maria Francisca
  56. Sebastião André e Maria Esteves
    1. Marta André e Juliano André
  57. Sebastião Domingos e Madalena Manuel